João 20:1-18

João 20:1-18

A primeira pessoa que se apressa a ir à sepultura nessa gloriosa manhã da ressurreição é Maria Madalena, a mulher de quem o Senhor tinha expulsado sete demônios (Marcos 16:9). Porém alguém esteve ali antes que ela, visto que a pedra da sepultura já tinha sido removida. Ela leva a notícia a Pedro e a João, os quais vão correndo à sepultura e encontram a surpreendente prova da ressurreição... e voltam às suas casas. Mas Maria não pôde ir. Ela está tão determinada a encontrar o seu amado Senhor (v. 13) que nem parece se surpreender com a presença dos anjos.
O Senhor Jesus não pode deixar semelhante afeto sem resposta. E o que faz vai além das expectativas de Maria! É um Salvador vivo que se aproxima dela, chama-a pelo seu nome e lhe confia a mensagem do mais sublime valor, pois "a ligação pessoal com Cristo é o meio para a verdadeira compreensão" (J. N. Darby). O Senhor Jesus incumbe Maria de anunciar a Seus "irmãos" que a cruz, longe de tê-LO separado deles, é a base de vínculos completamente novos. É um fato de inestimável valor que o Seu Pai tenha se tornado nosso Pai e o Seu Deus o nosso Deus. O Senhor Jesus, para o gozo de Seu próprio coração, nos tem colocado para sempre nessas felizes relações (Salmo 22:22; Hebreus 2:11-12).

Comentários

Amapola disse…
Boa tarde, querido amigo.

Acredito em Jesus Cristo, como se eu estivesse estado lá, e tivesse assistido a sua trajetória.

FELIZ 2011!!!


Um grande abraço.

Postagens mais visitadas deste blog

Cloreto de Maguinesio pode curar